home Alimentação e Saúde, Estilo de Vida Vitamina D – Conheça os seus benefícios e formas de incluir na sua dieta

Vitamina D – Conheça os seus benefícios e formas de incluir na sua dieta


Vitamina D – Conheça os seus benefícios e formas de incluir na sua dieta
Vitamina D – Conheça os seus benefícios e formas de incluir na sua dieta

A Vitamina D é um nutriente muito importante para o nosso organismo, pois ela oferece benefícios como fortalecimento dos ossos e dos músculos e auxílio na saúde mental. Ela é uma vitamina lipossolúvel em um grupo de compostos que inclui as vitaminas D-1, D-2 e D-3.

Tecnicamente ela não é uma vitamina, mas sim um tipo de hormônio que ajuda o corpo na absorção de cálcio dos alimentos tornando os ossos mais fortes, densos e saudáveis. A vitamina D não é obtida apenas através de alimentos, a maioria das pessoas pode sintetizá-la na pele quando expostas à radiação ultravioleta (UV) presente na luz o sol.

Benefícios da Vitamina D

Ajuda a combater doenças

Ela ajuda na redução do risco de desenvolver esclerose múltipla, doenças no coração, gripe e até mesmo câncer. Estudos indicam que níveis suficientes de vitamina D durante a vida adulta podem reduzir de forma significativa diversos tipos de câncer, incluindo o de cólon, mama, ovários e próstata.

Ela é um dos maiores inibidores do crescimento de células cancerígenas, além de reduzir os riscos do desenvolvimento da doença através da absorção de cálcio e diferenciação celular enquanto pode reduzir a metástase (quando o câncer se espalha de um órgão para o outro).

Ajuda a combater a depressão

A vitamina D tem um papel importante na regulagem do humor e inibição dos sintomas de depressão. Durante um estudo em 2008 cientistas descobriram que pessoas com depressão que receberam suplementação com vitamina D tiveram uma melhora nos seus sintomas. Pesquisadores também descobriram deficiência dela em pessoas que sofriam com problemas de ansiedade e depressão.

Pode reduzir o risco de desenvolver diabetes Tipo 2

A vitamina D ajuda de forma considerável na redução do risco de desenvolver diabetes tipo 2, principalmente em pessoas que já tem uma predisposição para desenvolver a doença. Níveis elevados dessa vitamina podem oferecer melhorias na função das células beta e sensibilidade à insulina.

Aumenta a densidade dos ossos e a função muscular

Quando pensamos em ossos fortes, a primeira coisa que nos vem na cabeça é o cálcio. Ele realmente é o principal fator quando o assunto é saúde dos ossos e aumento da sua densidade mineral. Mas a vitamina D é muito importante quando o corpo absorve e processa o cálcio, garantindo que ele seja depositado nos ossos.

Problemas de falta de vitamina D são relativamente comuns em atletas e geralmente são associados a fraqueza muscular e atrofia de fibra muscular tipo 2. Quem pratica exercícios deve sempre ter essa vitamina na sua dieta.

Deixa o cabelo e a pele mais saudáveis

Assim como todos os órgãos, a pele precisa de determinadas vitaminas para funcionar de forma correta e a vitamina D é uma delas. Ela pode ajudar a reduzir a acne, melhorar a elasticidade da pele, estimular a produção de colágeno e reduzir a aparência de linhas finas e manchas.

Fontes de Vitamina D

São poucos os alimentos fornecem boas quantidades de vitamina D de forma natural. Por isso muitos deles são fortificados com esta vitamina, principalmente quando contém cálcio. Veja uma lista de alimentos que contém vitamina D que podem ser incorporados na sua dieta:

  • Salmão
  • Sardinha
  • Camarão
  • Gema de ovo
  • Leite e iogurte (fortificado)
  • Cereal matinal (fortificado)
  • Suco de laranja (fortificado)
  • Óleo de fígado de bacalhau
  • Cogumelos Portobello
  • Bife de fígado

Outras formas de suprir a vitamina D é tomando sol (tome sol apenas antes das 10 da manhã ou após as 4 da tarde e em intervalos curtos) e tomando suplementos.

Mas antes de fazer mudanças sérias na sua dieta e aumentar bastante o consumo desta vitamina, não deixe de consultar um médico. O excesso de vitamina D também pode ter alguns efeitos colaterais como perda de apetite ou náusea, principalmente em pessoas que possuem certas sensibilidades.

Veja também