home Alimentação e Saúde, Estilo de Vida, Família Como ensinar os seus filhos a comer de forma saudável

Como ensinar os seus filhos a comer de forma saudável


Como ensinar os seus filhos a comer de forma saudável
Como ensinar os seus filhos a comer de forma saudável

Uma alimentação saudável é fundamental para todos nós, mas quando o assunto é ensinar as crianças a comer bem, algumas mães acabam tendo dificuldades. As crianças gostam de comer, mas nem sempre conseguimos convencê-las a comer um prato de salada ou frutas, por exemplo.

Neste artigo vamos ensinar algumas dicas para ensinar os seus filhos a comer de forma saudável para ter uma saúde mais forte, mais disposição e não ter problemas com obesidade.

É muito importante que o seu filho tenha bons hábitos alimentares desde cedo, pois as crianças estão sempre brincando a gastando bastante energia nas suas tarefas diárias. Uma alimentação saudável pode trazer benefícios não só para o seu filho, mas para toda a sua família.

Fazendo escolhas mais saudáveis

Uns dos aspectos mais importantes da alimentação saudável são o controle de porções e a redução de alimentos gordurosos e açúcar tanto nos alimentos quanto nas bebidas. Para reduzir a ingestão de gorduras ruins, opte por servir:

  • Leite e seus derivados com teor mais baixo de gordura (ex. leite e iogurte desnatado)
  • Frango sem pele
  • Carnes magras (peito de frango, peixe, patinho, maminha, lagarto, filé mignon, coxão mole e coxão duro)
  • Pães e cereais integrais
  • Lanches saudáveis incluindo frutas e vegetais

Como incentivar o seu filho a comer de forma mais saudável

Existem algumas coisas que você pode fazer que vão ajudar muito na hora de ensinar os seus filhos a comer do jeito certo.

Estabeleça um horário para os lanches e refeições – Assim como os adultos, as crianças também devem comer moderadamente em intervalos regulares. Quando o corpo se acostuma com esses horários, a fome passa a vir na hora certo.

Descubra um alimento de cada grupo que o seu filho gosta – As crianças tendem a aceitar comidas diferentes de forma mais gradual, então o ideal é começar por algo que ela gosta e ir introduzindo alimentos diferentes do mesmo grupo aos poucos.

Ofereça aos seus filhos um café da manhã saudável – O café da manhã é a refeição que inicia o processo de gasto de calorias diário, além de ajudar as crianças a ter mais energia para estudar e raciocinar na escola. Se você não tiver muito tempo, existem opções rápidas e práticas como cereal matinal com leite e frutas, iogurte integral ou torradas integrais.

Seja um bom exemplo – A sua alimentação é um excelente exemplo para os seus filhos. Sempre que possível, tenha refeições em família e seja um exemplo de boas escolhas para eles.

Ensine o seu filho a comer mais devagar – A criança irá perceber mais facilmente quando a fome passou se comer mais devagar. Antes de perguntar para a criança se quer repetir o prato, espere uns 10 minutos para ver se ela ainda está com fome. Isso dá ao cérebro tempo para perceber que a fome já passou. Se for repetir, a segunda refeição deverá ser muito menor o que a primeira.

Não incentive o consumo de lanches e refeições enquanto assiste TV – O ideal é comer apenas nos lugares próprios para isso como a cozinha ou sala de jantar. Ao comer a frente da TV, a pessoa pode não prestar atenção à saciedade, por exemplo, e acabar comendo demais.

Ensine aos seus filhos a importância de beber água – Bebidas doces como sucos artificiais e refrigerantes tem uma ligação direta com o aumento da obesidade infantil.

Nunca use comida para punir ou recompensar os seus filhos – Utilizar comida como punição é algo totalmente errado e não deve ser feito sob circunstância alguma, pois pode fazer com que os seus filhos passem a associar a comida a algo ruim.

Já utilizar comidas como doces e sobremesas como recompensas também não é adequado. Isso faz com que a criança passe a pensar que as comidas oferecidas como recompensa são melhores e tem mais valor. Dizer à criança que ela vai poder comer a sobremesa só depois de comer os legumes e vegetais passa uma mensagem errada sobre esses alimentos.

Se preocupe também com as refeições que o seu filho faz fora de casa – Procure saber sobre os lanches oferecidos na escola ou envie um lanche saudável para ele comer na merenda. Quando for em restaurantes, opte também por alimentos mais saudáveis.

Seguindo essas dicas você vai ajudar o seu filho a ser mais saudável tanto agora quanto no futuro, mas não deixe de leva-lo a um bom nutricionista para fazer o acompanhamento do seu peso e da alimentação de forma correta. O acompanhamento profissional é muito importante para uma dieta correta e balanceada para cada tipo de pessoa.

Veja também